Navigation Menu
Diretores de Bacurau falam ao Le Monde: “Filme funcionou como catarse”
out02

Diretores de Bacurau falam ao Le Monde: “Filme funcionou como catarse”

Para Bacurau, seu terceiro longa-metragem, Kleber Mendonça Filho – 51 anos, antigo crítico de cinema e liderança do cinema que se faz no Recife (PE), no Nordeste – se associou a Juliano Dornelles, que trabalhava até então ao seu lado como diretor de Arte. Conjuntamente, eles se valeram dos filmes de gênero (western, thriller, ficção científica) a que são aficionados para formar um retrato de uma cidade emblemática do Sertão, região...

Leia mais
Dona Didi, a heroína do cinema mudo brasileiro
set28

Dona Didi, a heroína do cinema mudo brasileiro

Em artigo o jornalista e cineasta Marcos Enrique Lopes nos apresenta uma figura-chave para a história do cinema nacional: a italiana radicada no Brasil Adriana Falangola Benjamin, ou Dona Didi (1918-2018), uma “heroína” do período de filmes mudos. Confira.   Por Marcos Enrique Lopes* Adriana Falangola Benjamin, a Dona Didi, na década de 1920, quando protagonizava as aberturas e os encerramentos da produtora Pernambuco-Films...

Leia mais
Marieta Severo relembra fim da Embrafilme e fala de crise na Ancine: ‘Cultura sempre renasce’
set22

Marieta Severo relembra fim da Embrafilme e fala de crise na Ancine: ‘Cultura sempre renasce’

Em um período de crise no cinema nacional, com cortes de orçamento, patrocínio, e crises na gestão da Ancine, Marieta Severo se diz surpresa com os rumos que a política cultural têm tomado e faz até um paralelo com o fim da Embrafilme, no governo Collor, em 1990.   “Que momento é esse muito louco que eu achei que não ia viver de novo na minha vida? O Collor, ele terminou com a Embrafilme, em um processo muito vingativo...

Leia mais
Legalidade: Não vai ter golpe
set14

Legalidade: Não vai ter golpe

Mesclando fatos e ficção, o filme Legalidade que estreia nos cinemas brasileiros neste fim de semana evoca com brio um momento em que o país, ao contrário de hoje, soube defender a democracia. Por Carlos Alberto Mattos* O heroísmo de Leonel Brizola durante o breve período em que a democracia brasileira esteve ameaçada, em 1961, ganhou, enfim, seu lugar no cinema com Legalidade, produção gaúcha dirigida por Zeca Brito. A inesperada...

Leia mais
Filme expõe triângulo amoroso entre sobreviventes da ditadura militar
set05

Filme expõe triângulo amoroso entre sobreviventes da ditadura militar

Miguel, Maria Eugênia e Lúcia são ex-militantes políticos que resistiram – e sobreviveram – ao regime militar brasileiro (1964-1985). Hoje, eles têm entre 65 e 70 anos e vivem um triângulo amoroso – mas sob o pano de fundo da ditadura. É em torno dessa relação que gira Amores de Chumbo, primeiro longa-metragem de ficção da premiada cineasta pernambucana Tuca Siqueira. A estreia do filme está prevista para o Festival do Rio, em...

Leia mais