56ª FESTA DA BATATINHA 22ª FESTA DA CULTURA POLONESA

Nas Colônias Polonesas do Paraná, os emigrantes expressavam a sua cultura, costumes e tradições, provenientes dos ancestrais das aldeias da Polônia. No decorrer desses séculos a cultura e as tradições sofreram influencias de outras nacionalidades, porém muitas perpetuaram até os dias atuais. Na Colônia Dom Pedro II/Campo Largo/PR, a cultura e as tradições dos poloneses ainda se mantem fortemente representada.

História

A Colônia Dom Pedro II foi fundada em sete de novembro de 1876 e emancipada em 10 de novembro de 1878. Abrigou imigrantes Poloneses que vieram da Polônia, das regiões da Galícia, Gorlice, Opole, Jaslo que estavam sob o domínio da Áustria. As regiões da Polônia, na época, estavam sob o domínio da Áustria, Prússia (Alemanha e Rússia. Os países viviam em constantes conflitos que obrigavam muitos poloneses a emigrar e fugir para outros países da América do Norte e do Sul e o Brasil.

ANTES DESLIGUE O SOM DA RÁDIO BRASIL CULTURA NO ALTO DA PAGINA

No final do século XIX o Governo Brasileiro criou políticas de terras, colonização e imigração, fez convênios com empresas de navegação, incentivando os movimentos migratórios. Foram criadas várias colônias nos arredores de Curitiba, como de Abranches, Pilarzinho e Santa Cândida, Tomás Coelho, Santo Inácio, Lamenha, Nova Órleans, Dom Augusto, Rivier e Colônia Dom Pedro II, compondo o Distrito de Nova Polônia.

Os imigrantes europeus e poloneses, ao serem designados para a Colônia Dom Pedro II, foram acomodados em terras tituladas e demarcadas pelo Governo do Paraná e outras adquiridas da família Torres. Recebeu esse nome em homenagem ao Imperador Dom Pedro II pela sua passagem por esta colônia aos Campos Gerais.   Todos os anos, a comunidade se reúne para a grande Festa da Batata, durante a qual a cultura polonesa e a história das colônias é relembrada.

Na parte folclórica serão apresentadas músicas e danças típicas polonesas. Os visitantes poderão conhecer o Museu e passar pela exposição montada especialmente para festa.

Para quem pretende almoçar na festa, os visitantes deverão levar pratos e talheres. Para o almoço será oferecido alcatra, costelinha, frango recheado, maionese, risoto, salada e pães.

 

Colônia Dom Pedro II realiza a mais importante festa da comunidade, a 56ª Festa da Batatinha e 22ª Festa da Cultura Polonesa.

Serviço:

Dia 08 de julho de 2018 – Domingo

Colônia D. Pedro II

Rua: Vicente Nalepa, 3828 –

O acesso à Colônia é pela BR-277, km 104,5, pista sentido Curitiba-Campo Largo, após o posto de combustíveis Jardim Guarani.

Compartilhar:

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*


dezesseis − sete =