APROVADA A LEI DE EMERGÊNCIA CULTURAL ALDIR BLANC!

 

A Lei de Emergência Cultural foi APROVADA na Câmara dos Deputados, em uma Vitória consagradora para o setor cultural brasileiro, tão aviltado em sua dignidade nos últimos anos e atingido em cheio pela crise atual no Brasil e no mundo. A cultura brasileira, tão importante, cheia de potência, riquezas e possibilidades que tanto contribuem para a construção da alma de nosso povo e no desenvolvimento de nosso país, precisava dessa Vitória. Ela chegou, com muita luta, mas chegou.

Foram dias intensos de grande mobilização, um estado de conferência nacional de cultura, em webconferências infinitas que se espalharam por todo o Brasil reunindo milhares de pessoas. O povo da arte da cultura demonstrou mais uma vez ser um segmento com alto poder de mobilização na base da sociedade brasileira. Fica a lição para as próximas lutas e desafios, e esse caminho de encontros e rearticulação nacional do campo cultural não pára com a aprovação em primeiro turno da Lei.

O texto aprovado na Câmara de Deputados, com a costura sensível e engajada da relatora Jandira Feghali e consagrado no plenário da Câmara por um amplo consenso, foi construído a muitas mãos, reunindo dezenas de parlamentares e contribuições de centenas de gestores e agentes culturais de todo o país que contribuíram na sua revisão e elaboração. A Lei de Emergência Cultural é uma verdadeira cartografia do setor cultural brasileiro em suas diversidades e complexidades.

O time da cultura entrou em campo, unido, e venceu. Já se ouviu o apito do juiz. Agora vem o Senado. Depois as batalhas seguintes até a sanção e implementação da Lei. Mas hoje, mais que ganhar, ganhamos de goleada. E como estávamos precisando!
#LeiEmergenciaCultural
#AprovadaEmergenciaCultural

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*


dezesseis + cinco =