Primavera dá nova cara ao Parque Nacional do Iguaçu

 

É tempo de pensar, repensar e respirar ar livre. E é com esse desejo de viver a natureza em sua essência que o Parque Nacional do Iguaçu, na cidade de Foz do Iguaçu, recebeu brasileiros dos 26 estados e Distrito Federal desde sua reabertura, em agosto, após ser fechado por medida de proteção contra a covid-19.

 

A primavera no Parque Nacional do Iguaçu tem brindado esses visitantes com cenas e sensações incríveis. A estação tem reservado dias ensolarados, aparições de bichos e, claro, aquele famoso arco-íris das Cataratas do Iguaçu. A fauna e a flora do local parecem disputar a atenção do público, que atentamente acompanha os movimentos da natureza, sem se descuidar dos protocolos de saúde.

 

O visitante que tiver sorte poderá encontrar a família de macacos-prego que vive nas árvores próximas ao Porto Canoas; ou o casal de tucanos, próximo ao mirante do Hotel Cataratas, no início da Trilha das Cataratas. Há a beleza dos ipês com suas floradas multicoloridas, que salta aos olhos do público. As borboletas colorem o céu do parque e enchem o ambiente de vida.

 

Além da beleza, o parque abriga muitos mamíferos, entre eles o quati, o rei da simpatia, que está sempre roendo algo ou correndo para a alegria da criançada. Há visitantes que sonham ver as onças-pintadas que habitam o Parque Nacional do Iguaçu, mas esses encontros são raros, apenas alguns sortudos conseguem flagrar os felinos de tempos em tempos.

 

E na primavera o visitante consegue ver mais bichos e flores e caminhar com muito mais tranquilidade. São 1.200 metros de caminhada pela Trilha das Cataratas, margeando a Maravilha Mundial da Natureza, com destaque aos novos sons de pássaros, que aparecem com mais frequência, às cores fortes e ao cheiro da mata.

 

Alexandre Bazzi, que ficou um período sem visitar as Cataratas, em razão da pandemia, disse que voltar ao atrativo é uma forma de repor energias e que sempre é um ótimo passeio. “Se fosse para vir ao Parque Nacional de olhos vendados e caminhar aqui, já valeria a pena. Sentir os sons e tudo mais, com certeza já valeria a pena”, afirmou Bazzi.

 

O visitante Denis Medina, que esteve no parque na companhia da esposa, Ednéia, e dos filhos Gustavo e Giovana, comentou sobre a sensação de sair de casa, após um tempo sem passeio familiar por conta das medidas restritivas de saúde: “Ficamos realmente encantados com toda a beleza e organização do local.  Foi maravilhoso conhecermos este patrimônio. Voltaremos para casa felizes e renovados”.

 

Ingresso exclusivamente on-line – Os ingressos para visitar o Parque Nacional do Iguaçu agora são vendidos exclusivamente on-line, no site www.cataratasdoiguacu.com.br. E como neste momento o parque está com limitação de público por hora, o visitante precisa realizar a aquisição e agendar o dia e o horário da visita. A compra está sujeita à disponibilidade de vagas. Não há restrição de idade para realizar o passeio.

 

Passe Comunidade – Moradores das 14 cidades vizinhas à unidade de conservação possuem 90% de desconto no ingresso. Essa categoria de ingresso também está disponível exclusivamente on-line no site https://cataratasdoiguacu.com.br/passe-comunidade/. Mas atenção: os moradores precisam comprovar residência em uma das cidades apresentando o comprovante presencialmente no acesso ao parque.

 

Confira como está o funcionamento do Parque Nacional do Iguaçu e Marco das 3 Fronteiras: https://youtu.be/mwufrBb90BU  

 

Central de Atendimento ao Visitante (WhatsApp): +55 (45) 9137-3444 (wa.me/554591373444)

 

Fotografias: Nilton Rolin

 

Parque Nacional do Iguaçu

Funcionamento: terça a domingo, das 9h às 16h

www.cataratasdoiguacu.com.br

contato@catarataspni.com.br

Telefone: +55 (45) 3521-4400

 

Canais nas redes sociais

WhatsApp: +55 (45) 9 9137 3444

Facebook: @CataratasDoIguacu

Instagram: @CataratasdoIguacu

Twitter: @CataratasBrasil

Confira o álbum de fotos “Primavera no Parque Nacional do Iguaçu” completo em nosso Flickr: https://www.flickr.com/photos/cataratasdoiguacu/

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*


dezesseis − dez =