Noites paulistanas dos anos 50 e 60 em livro


O jornalista Hélvio Borelli acaba de lançar o livro Noites paulistanas (Editora Arte e Ciência), fruto de uma pesquisa de dois anos. O autor entrevistou cerca de 40 pessoas, entre músicos e personagens da noite, com supervisão e consultoria do músico Sabá (Jongo Trio) e prefácio do produtor e crítico de música Zuza Homem de Mello. Em 156 páginas um pouco da intensa vida cultural da noite paulistana nas décadas de 1950 e 60.

“A literatura sobre a cultura brasileira, especialmente a musical, está muito centrada no Rio de Janeiro, porque era a capital, mas a vida boêmia paulistana criou, lançou e projetou expoentes em todos segmentos artísticos, como só uma cidade aberta ao novo – como é São Paulo – poderia registrar”, comentou Borelli em material de divulgação para a imprensa.

Entre as muitas histórias estão as primeiras apresentações de César Camargo Mariano com 13 anos; o histórico show Três na Bossa, em abril de 1965 com Elis Regina, Jair Rodrigues e Jongo Trio; o roteiro das casas noturnas, incluindo as emblemáticas A Baiúca e Nick Bar. Uma das preocupações do autor foi em descrever os principais teatros, hotéis e boates da época, para ter a exata dimensão dos palcos da boemia.

Author: Redação

Share This Post On