Ouça “História Hoje” 29/08: Há 48 anos campus da UnB era invadido por militares da ditadura

unb1

No dia 29 de agosto de 1968, o campus da Universidade de Brasília (UnB) era invadido por tropas do Exército. A demonstração de força marcou o endurecimento da ditadura que vigorava no país.

 

Apresentação Gláucia Gomes

 

Na época, os estudantes da UNB se achavam no dever de contestar e lutar contra a ditadura. O fato era considerado um perigo pelos governantes, que consideravam os universitários subversivos e revolucionários.

 

Os alunos tinham a universidade como um lugar sagrado e não aceitavam a entrada de policiais. Por isso eles resistiram à invasão. Quinhentos estudantes passaram o dia sob o poder das tropas na quadra de esportes e cerca de 50 pessoas foram levadas à delegacia.

 

Mas as tropas estavam atrás dos estudantes Mauro Burlamaqui, José Prates, Paulo Sérgio Cassis, Paulo Speller, Samuel Babah, Lenine Bueno Monteiro e Honestino Guimarães.

 

Salas de aula foram invadidas, cadeiras quebradas e alunos presos na quadra de esporte. Os universitários sabiam que o colega Samuel Babah corria o risco de ser preso, por isso, o esconderam dentro de um caixote no porão da UnB, mas ele nunca mais foi visto.

 

Antes desse tumulto, os estudantes invadiram a sala e o apartamento de Roman Blanco, professor que tinha ligação com o Serviço Nacional de Informação (SNI). Ele era considerado pelos alunos como um “dedo-duro”. A polícia foi chamada pelo reitor que alegava não conseguir defender o patrimônio da universidade.

 

A invasão do dia 29 de agosto de 1968 não foi a primeira, mas a pior invasão militar dentre as oito que ocorreram na UnB durante a ditadura militar.

 

A ação não conseguiu ser justificada pelas autoridades. O governo não encontrou meios para explicar à população o porque da série de violências contra os estudantes.

 

Nos dias 2 e 3 de setembro, posteriores à invasão, o deputado Márcio Moreira Alves, do MDB, fez um pronunciamento na tribuna da Câmara. Proferiu palavras provocadoras ao militarismo, que foram consideradas, entre outros acontecimentos, um pretexto para a decretação do Ato Institucional n° 5, o AI-5, no dia 13 de dezembro de 1968.

itaipu log

História Hoje: Programete sobre fatos históricos relacionados às datas do calendário. Vai ao ar pela Rádio Brasil Cultura de segunda a sexta-feira.

    Author: Braisil Cultura

    Share This Post On

    Enviar um comentário

    O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *