Ouça “História Hoje” 07/09: Em 7 de setembro de 1961, João Goulart assumia a presidência do Brasil

jango

No dia 7 de setembro de 1961, após grave crise institucional, João Goulart tomava posse como Presidente da República.

 

Tudo começou com a renúncia de Jânio Quadros, no dia 25 de agosto daquele ano, e o então vice-presidente, João Goulart, estava em visita à China.

Apresentação Glaucia Gomes

O Brasil vivia momentos de instabilidade política. Os militares, não queriam um governo de esquerda.

 

Leonel Brizola, cunhado de Goulart, na época era governador do Rio Grande do Sul e iniciou a campanha da legalidade pregando a posse de Jango, como João Goulart era chamado.

 

Brizola falava ao povo pela Rádio Guaíba. A campanha alcançava ouvintes em outros estados e mobilizava a população.

 

Como os militares não cediam, e Brizola também não, a situação ficou grave. Brizola mobilizou a população para que resistisse. Milhares de pessoas foram às ruas para garantir a posse de Jango.

 

E Brizola conquistou aliados, entre eles Mauro Borges Teixeira, que era o governador de Goiás. Apoio considerado importante, tendo em vista a proximidade de Goiânia com Brasília.

 

Ele transformou o Palácio das Esmeraldas, sede do governo goiano, em um quartel-general dos legalistas, e usou a Rádio Brasil Central como difusora do movimento.

 

Paralelamente aos enfrentamentos, era negociada no Congresso Nacional uma solução política. Em 2 de setembro foi aprovada uma emenda constitucional alterando o regime de governo para o parlamentarismo.

 

Com os poderes limitados, os militares aceitaram que João Goulart assumisse a presidência da República.

 

Em janeiro de 1963, Jango convocou um plebiscito para decidir sobre a manutenção ou não do sistema parlamentarista. Cerca de 80% dos eleitores votaram pelo restabelecimento do sistema presidencialista.

 

A partir de então, Jango passou a governar o país com mais poderes constitucionais. Porém, nesse breve período, os conflitos políticos e as tensões sociais se tornaram graves, e as Forças Armadas, com o golpe militar de março de 1964, interromperam o mandato de Jango.

 

História Hoje: Programete sobre fatos históricos relacionados às datas do calendário. Vai ao ar pela Rádio Brasil Cultura de segunda a sexta-feira.

    Author: Braisil Cultura

    Share This Post On

    Enviar um comentário

    O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *