Hoje é o Dia Nacional de Combate à Discriminação Racial

dia-mundial-racismo

Em 3 de julho é comemorado o Dia Nacional de Combate à Discriminação Racial. A data celebra a aprovação da Lei n° 1.390, mais conhecida como Lei Afonso Arinos, de 1951. A lei, proposta pelo jurista, político e escritor mineiro, constitui como infração penal o preconceito por raça ou cor, como recusa de um estabelecimento comercial ou de ensino em hospedar, servir, atender ou receber clientes, pagantes ou não, a pessoas de raça ou cor diferentes. (*)

 

Viva Maria:

Militância negra se mobiliza em julho para chamar a atenção para a discriminação racial

Apresentação Mara Régia

ANTES DE OUVIR O ÁUDIO DESLIGUE O SOM DA RÁDIO BRASIL CULTURA NO TOPO DA PAGINA

 

No Dia Nacional de Combate à Discriminação Racial, Viva Maria convoca a militância negra deste país na pessoa de Luca Franca, ela que é blogueira e que está atuando na mobilização da Marcha das Mulheres Negras 2017, já batizada de Julho das Pretas.

 

Autora do blogue Bidê, que pode ser acessado pelo Facebook, Luca nos conta que as mulheres estarão articuladas durante todo o mês, com o movimento culminando em uma marcha no dia 25 de julho, em São Paulo, data que marca o Dia da Mulher Afro-Latino-Americana e Caribenha.

 

Nesta entrevista, ela fala do preconceito que ocorre até mesmo em casa, no seio da família, e também sobre a Lei Afonso Arinos, de 1951, que constitui como infração penal o preconceito por raça ou cor, e sua efetivação no dia a dia, bem como de políticas públicas como o acesso a universidades por meio de cotas.

 

 

Viva Maria: Programete que aborda assuntos ligados aos direitos das mulheres e outros aspectos da questão de gênero. É apresentado na Rádio Brasil Cultura de segunda a sexta-feira.

    Author: Brasil Cultura

    Share This Post On

    Enviar um comentário

    O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *