Folha admite: Oposição não tem maioria para o impeachment

folha

A mídia corporativa assinala nesta sexta-feira que a oposição perde votos a favor do impeachment da presidenta Dilma Rousseff, a dois dias da votação marcada para ter início às 14 horas, domingo (17) em Brasília. Uma deputada grávida e parte da bancada do PP deixa de contar como  “votos favoráveis” ao golpe por meios de comunicação que se posicionam a favor do impedimento.

 

Segundo o jornal paulistano Folha de S. Paulo, o governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), disse que Waldir Maranhão atendeu a um apelo político pessoal seu. Dino e o deputado são adversários, no estado, da família Sarney, que teria aderido nos últimos dias ao impeachment.

 

“Ele deve levar uns dez votos do PP para a posição contrária ao impeachment”, afirmou Dino, que está em Brasília e se encontrou nesta sexta com Dilma.

 

 

Do Portal Vermelho, com agências

    Author: Redação

    Share This Post On

    Enviar um comentário

    O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *