Conheça o Memorial da Resistência de São Paulo

museu da resistenciaO Memorial da Resistência de São Paulo é uma instituição dedicada à preservação das memórias da resistência e da repressão políticas por meio da musealização de parte do edifício que sediou o Departamento Estadual de Ordem Política e Social do Estado de São Paulo – Deops/SP, entre os anos de 1940 a 1983

 

Instalado na Estação Pinacoteca o espaço apresenta quatro eixos temáticos:

 

– O edifício e suas memórias: são apresentados os diferentes usos e apropriações do edifício construído no início do século XX para abrigar os escritórios e armazéns da Companhia Estrada de Ferro Sorocabana – além da estrutura e funcionamento do DEOPS/SP.

 

 

– Controle, repressão e resistência: o tempo político e a memória – as noções e as estratégias de controle, repressão e resistência que configuram a abordagem deste espaço, apresentadas a partir de estrutura conceitual em painel interativo, desenvolvidas em uma linha do tempo (da Proclamação da República, em 1889, ao ano de 2008) e referenciadas por um conjunto de publicações.

 

– A construção da memória: o cotidiano nas celas do DEOPS/SP – Este eixotrata exclusivamente do período do regime militar (1964 a 1983), a partir de diversos recursos  expográficos como uma maquete tridimensional que permite ao visitante compare o espaço prisional dos anos de 1969 a 1971 com o momento atual. A primeira cela mostra os trabalhos do processo de implantação do Memorial da Resistência; a segunda presta uma homenagem aos milhares de presos desaparecidos e mortos em decorrência de ações do DEOPS/SP; na terceira cela foi reconstituída a partir das lembranças de ex-presos políticos e a quarta cela oferece uma leitura da solidariedade entre os que estiveram encarcerados naquele local. Neste contexto do cotidiano na prisão, evoca-se também uma celebração religiosa realizada pelos frades dominicanos presos em 1969. Finalmente, um diorama permite ao visitante compreender como as manifestações públicas de resistência, naquele período, ecoavam nas celas.

 

– Da carceragem ao Centro de Referência: oferece possibilidades de aprofundamento temático, por meio da consulta a bancos de dados referenciais, destacando-se o Banco de Dados do PROIN – Projeto Integrado de Pesquisa desenvolvido pelo Arquivo Público do Estado de São Paulo e a Universidade de São Paulo. Neste espaço também são apresentados objetos e documentos provenientes de dossiês e prontuários produzidos pelo DEOPS/SP, sob a guarda do Arquivo Público do Estado de São Paulo, além de iconografia sobre os diferentes espaços do edifício.

 

Memorial da Resistência de São Paulo

Largo General Osório, 66 – Luz

Entrada franca

CEP 01213-010 – São Paulo – SP

Telefone: 55 11 3335 4990

Email memorialdaresistencia@pinacoteca.org.br

 

Agendamento de visitas educativas: 3324.0943 ou 0944

Author: Redação

Share This Post On

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *