Cinco canções para recordar Fidel

fidel000

“Se quer conhecer Martí e Fidel, a Cuba!”, cantou Victor Jara, o paladino da liberdade e da justiça no Chile. Já o cantor e compositor cubano Silvio Rodríguez homenageou o comandante sem citar seu nome, com a canção “El elegido”: “A beleza nos custa a vida / a última vez que o vi ir/ entre a fumaça e os estilhaços”.

Fidel Castro morreu na noite desta quinta-feira (25), aos 90 anos, em HavanaFidel Castro morreu na noite desta quinta-feira (25), aos 90 anos, em Havana Fidel Castro partiu na noite desta quinta-feira (25), aos 90 anos. Dedicou a vida a lutar pela liberdade, pela soberania e trabalhou com afinco para reduzir as desigualdades e promover a justiça social.

 

O comandante foi um grande amante das artes. Em seu governo, desenvolveu o Balé Cubano ao máximo, fomentou políticas públicas voltadas para a educação e para os esportes e, contam os amigos do tempos de colégio, “era o melhor em tudo”.

 

Seu legado inspirou cantores e compositores de toda a América Latina. O Vermelho selecionou cinco canções de artistas de diferentes países em homenagem ao líder máximo da revolução cubana.

 

Ouça as canções:

 

1 – El elegido – Sílvio Rodríguez

 

Sílvio Rodríguez é um dos maiores cantores e compositores cubanos de todos os tempos. Sua poesia canta o amor e a liberdade. Nesta canção, faz uma singela homenagem a Fidel Castro, quem qualifica como “um ser de outro mundo”.

 

 

2 – A Cuba – Victor Jara

 

O cantor e compositor chinelo Victor Jara dedicou toda sua obra às causas sociais. Cantou a luta dos povos do mundo e homenageou grandes líderes mundiais, entre eles Fidel Castro. Nesta canção, homenageia Fidel Castro, Che Guevara e José Martí.

 

 

3 – Y en eso llego Fidel – Carlos Puebla

 

Nesta canção o cantor e compositor cubano Carlos Puebla ironiza a classe média e os “coronéis” cubanos que exploravam a população mais pobre antes da revolução. “E nisso chegou Fidel/ acabou a diversão/ chegou o comandante e mandou parar/”, diz o músico sobre o impacto que causou a tomada de poder dos revolucionários que derrubaram a ditadura de Fulgêncio Batista.

 

4 – Un son para Cuba – Quilapayún

 

O grupo chileno Quilapayún rendeu uma belíssima homenagem a Fidel ao cantar, nos anos 70, a canção Un Son para Cuba. “A ilha estava escura como o luto / mas içaram a luz como bandeira / não tinham mais armas que a aurora”. “Fidel com quinzes dos seus/ e com a liberdade” fez a revolução.

 

 

 

5 – Un hombre que sueña – coletivo de artistas cubanos

 

Recentemente um coletivo de artistas cubanos fez uma homenagem ao comandante da revolução com a canção “Um homem que sonha” por seus 90 anos. “Há um homem que lança a fé direto às estrelas / E um Fidel que vibra na montanha, presenteando com esperança de um novo amanhecer”.

 

Do Portal Vermelho

 

    Author: Claudio Ribeiro

    Share This Post On

    Enviar um comentário

    O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *