Artistas manifestam apoio à ocupação em São Bernardo

cae

Artistas divulgaram um vídeo com mensagens de apoio às 7 mil famílias da Ocupação Povo Sem Medo, de São Bernardo do Campo, no ABC Paulista, que lutam por moradia digna. O movimento completa um mês neste domingo (1º de outubro).

Na megaocupação, coordenada pelo Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST), estão crianças, idosos e trabalhadores, a maioria desempregados, que compartilham banheiros, cozinhas comunitárias, tarefas diárias e um sonho: a casa própria.

ANTES DE OUVIR O ÁUDIO DESLIGUE O SOM DA RÁDIO BRASIL CULTURA NO TOPO DA PAGINA

O terreno está localizado entre a fábrica de caminhões Scania e um condomínio residencial, pertence à construtora MZM, desocupado há pelo menos 30 anos.

 

Em 2014, a prefeitura de São Bernardo, ainda sob gestão de Luiz Marinho (PT), notificou a proprietária pelo descumprimento de função social da propriedade e exigiu um plano de parcelamento da área – o que nunca ocorreu.

 

Após a ocupação, a reação da construtora foi rápida: ingressou com pedido de reintegração de posse no mesmo dia e em um raro episódio de celeridade da Justiça conseguiu liminar do juiz Fernando de Oliveira Ladeira, autorizando a Polícia Militar a executar a ordem de despejo.

 

Mesmo após uma série de negociações no Grupo de Apoio às Ordens Judiciais de Reintegração de Posse (Gaorp) – uma iniciativa do Tribunal de Justiça de São Paulo formada por representantes do Judiciário e dos governos federal, estadual e municipal, do Ministério Público e da Defensoria Pública para tratar de reintegração de alta complexidade – o juiz ordenou que as famílias desocupassem a área em 72 horas. O movimento recorreu e conseguiu suspender temporariamente a decisão.

 

Fonte: Rede Brasil Atual

    Author: Brasil Cultura

    Share This Post On

    Enviar um comentário

    O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *