Saída de Grassi da Funarte


O compositor e ensaísta José Miguel Wisnik deve assumir a presidência da Funarte (Fundação Nacional de Arte). Ele ainda não deu a resposta definitiva, mas o Ministério da Cultura conta com seu “sim”. A saída do ator Antônio Grassi, atual titular do cargo, é certa.

Grassi, que ainda não foi comunicado oficialmente, gostaria de continuar no posto. “Não pelo cargo, mas pela continuidade dos projetos”, diz. No início da semana, ele recebeu telefonemas e e-mails de apoio de artistas como Paulo Betti, Renata Sorrah, Juca de Oliveira, Wagner Tiso e Marília Pêra

 

 

 

    Author: Redação

    Share This Post On