História em Disputa

 

 

 

 

A editora paulista Vera Cruz levou a melhor na disputa que trava com a Fundação Biblioteca Nacional pelos direitos autorais do projeto da revista Nossa História. A juíza da 7ª Vara Empresarial do Rio, Márcia Carvalho, proibiu anteontem a circulação da nova Revista de História, lançada pela FBN mês passado, com recursos da Lei Rouanet. A nova publicação foi considerada uma cópia da original, em circulação há dois anos.

 

A disputa pelos direitos autorais começou após o rompimento da parceria entre a Vera Cruz e a FBN. Adalmir Sampaio Gomes, diretor da editora paulista (que pertence ao Grupo Alfa, do empresário Aloysio Faria), diz que não canta vitórias:

 

– Acho tudo isso muito triste. Não queremos proibir que a Biblioteca tenha sua revista. Temos apreço e respeito pela instituição. Só não vamos permitir que façam uma cópia de nosso projeto.

 

E acrescenta que a disputa só termina quando forem responsabilizados todos os envolvidos no novo projeto:

 

– Vamos continuar na busca da penalização de todas as pessoas que levaram o leitor a confundir as duas publicações.

 

Adalmir afirma ainda que a Nossa História vai manter o projeto gráfico e editorial tal como foi concebido.

 

A Biblioteca Nacional informou, por meio da assessoria de Comunicação, que vai recorrer da decisão.

    Author: Redação

    Share This Post On