Celso Frateschi, (Funarte)

Celso Frateschi

 

 

Celso Frateschi, novo presidente Fundação Nacional de Artes (Funarte), pretende manter os projetos de música popular e erudita; artes cênicas e visuais; e de pesquisa e publicação de livros, porém ainda não sabe se mantém a equipe que os implantou: a cantora Ana de Holanda na música popular, o produtor Antônio Gilberto nas artes cênicas e o poeta Xico Chaves nas artes visuais.

Em entrevista, o ator declarou que na semana passada conversou com o ministro da Cultura, Gilberto Gil e foi à Brasília para “tomar pé dos programas, projetos e problemas da Funarte”.

Atualmente, Celso é diretor do Teatro da Universidade de São Paulo (Tusp) e foi secretário de Cultura de Santo André (nas duas administrações de Celso Daniel) e de São Paulo (nos dois últimos anos de Marta Suplicy na prefeitura).

O antigo presidente da instituição, Antônio Grassi, ao saber que seria dispensado do cargo, declarou que estava deixando o posto por imposição de Gilberto Gil, mas que gostaria de ver os resultados a longo prazo de sua gestão. “Não tenho apego ao cargo, mas gostaria de ver andar os projetos iniciados há quatro anos. Os editais de música, teatro, circo, dança e artes plásticas devem sair ainda este mês. Em 2003, quando chegamos aqui, não havia dinheiro para nada. Agora há recursos para tudo, já no início do ano”.

A posse oficial de Celso Frateschi ao cargo ainda não tem data marcada, mas deve acontecer ainda este mês.
Cultura e Mercado

http://culturaemercado.locaweb.com.br/setor.php?setor=4&pid=1307

    Author: Redação

    Share This Post On