Banco do Nordeste lança o Programa de Cultura

 

O Banco do Nordeste do Brasil (BNB) lançou na semana passada o Programa de Cultura, que efetuará ações de patrocínio direto (sem necessidade de leis de incentivo) nas áreas de música, literatura, artes cênicas e artes visuais, no primeiro semestre de 2005 (confira abaixo detalhes sobre as áreas contempladas). O Banco recebe até 11 de maço projetos culturais, que, juntos, receberão patrocínio no valor de R$ 1 milhão.

“Serão contemplados pelo menos 88 projetos, sendo no mínimo 22 projetos em cada uma das quatro categorias”, informa Paulo Mota, superintendente de Comunicação e Cultura do BNB. Podem concorrer projetos culturais dos nove estados nordestinos e também do norte de Minas Gerais e do Espírito Santo.

Emprego e renda
Entre os critérios de seleção dos projetos culturais está um fator econômico: a perspectiva de investimentos dos recursos financeiros e geração de emprego e renda dentro da área de atuação do Banco do Nordeste. Também serão analisadas, entre outras coisas, a qualidade artística, a ampliação do acesso da comunidade à produção cultural, a formação de novas platéias e ações voltadas para municípios de pequeno e médio, especialmente aqueles situados na região do semi-árido.

Segundo Paulo Mota, o programa “está focado na necessidade de acesso da comunidade nordestina aos bens culturais, na formação de novas platéias e de cidadãos nordestinos críticos e conscientes, bem como na ampliação e na democratização das oportunidades de criação, circulação e fruição dos bens culturais, em consonância com as políticas do Governo Federal para a cultura”.

O Programa de Cultura do BNB contemplará quatro aáreas artísticas, divididas em segementos:

– Música (registro e difusão de música contemporânea; formação e desenvolvimento de bandas, corais e orquestras; e realização de eventos coletivos ou de formação musical);

– Literatura (incentivo à leitura e criação de acervos bibliográficos; edição e divulgação de obras literárias; e realização de eventos coletivos ou de formação literária);

– Artes Cênicas (montagem e circulação de espetáculos teatrais; formação e desenvolvimento de artistas ou grupos de artes cênicas; e realização de eventos coletivos e de formação em artes cênicas);

– Artes Visuais (montagem e circulação e de exposições de artes visuais; e realização de eventos coletivos e de formação em artes visuais).

 

    Author: Redação

    Share This Post On