A política de financiamento

 

 

 


 

A política de financiamento do BNDES para a a TV digital no País, o Programa de Apoio à Implementação do Sistema Brasileiro de TV Digital Terrestre (ProTVD), acabou não financiando a aquisição de programação da produção independente, como era previsto. O ProTVD – Conteúdo, que financia a produção de novos projetos de produção de conteúdo nacional para documentários, dramaturgia e educativos, conta com financiamento para a contratação de produtora independente.

Segundo Sérgio Sá Leitão, assessor da presidência do banco para assuntos de cultura, o BNDES optou por financiar a produção independente através de uma operação triangular, na qual o tomador do financiamento é o produtor independente, e não o radiodifusor. Assim, conforme explica Sá Leitão, o produtor independente pode financiar a produção através do ProCult (Programa de Apoio à Cadeia Produtiva do Audiovisual), apresentando um contrato de licenciamento com algum radiodifusor como garantia para o financiamento.

A dívida contraída através do ProCult pode ser quitada em uma única parcela ou não. Neste segundo caso, a produtora usaria os recursos do BNDES para financiar o radiodifusor.

http://www.telaviva.com.br/News.asp?ID=70898&Chapeu=
Fernando Lauterjung

    Author: Redação

    Share This Post On