Paulinho Boca de Cantor lança CD dedicado ao forró na Choperia do Sesc Pompeia

 Na apresentação, o lendário cantor e compositor interpreta clássicos dos Novos Baianos, como Brasil Pandeiro, Preta Pretinha e Besta É Tu, além de vários forrós autorais de seu novo disco e medleys de nomes tradicionais do gênero como Luiz Gonzaga, Jackson do Pandeiro, Jacinto Silva, entre outros. Ritmo apreciado internacionalmente e tocado nas pistas de dança de Nova York, Tóquio, Paris e muitas outras cidades pelo mundo, o forró, antes identificado apenas regionalmente nas festas juninas do nordeste brasileiro, é agora a marca principal e a inspiração do novo disco de Paulinho – dedicado inteiramente ao gênero. O disco conta com participações especiais de nomes tradicionais, como a parceria com Luiz Caldas na canção-homenagem aos 100 anos de Gonzagão, Se Seu Luiz Estivesse Vivo e a participação de Carlinhos Vergueiro, no bem humorado Xote Cardiovascular, além de canções com o compositor baiano Jair Luz. Boca de Cantor foireconhecido ao fundar em 1969 o grupo Novos Baianos, ao lado dos cantores e instrumentistas Pepeu Gomes, Baby Consuelo e Moraes Moreira. O grupo condensava vários ritmos musicais brasileiros, como o baião, o frevo, o choro, o rock’n’roll e a bossa nova e teve um de seus dez álbuns, AcabouChorare, eleito o melhor disco da história da música brasileira, segundo publicações especializadas como a Rolling Stone. Após a dissolução do grupo em 1979, o cantor partiu para carreira solo com o lançamento de seu primeiro disco, Paulinho Boca de Cantor – Bom de Chinfra e Bom de Amor, com parcerias de Gilberto Gil, Zé Ramalho e Luiz Galvão. Mais tarde, em 1981, alcançou notoriedade ao lançar Valeu, um dos álbuns de produção independente mais vendidos do Brasil. Responsável por alguns dos maiores clássicos do forró como Na Janela e No Portão, Forró do H Radinho, Forró em Cachoeira, Esquentei Meu Coração e Rancheira, Paulinho estendeu seu interesse pela música brasileira de raiz ao campo da história, passando a desenvolver um trabalho de pesquisa da historiografia da música brasileira – fundando, também, Associação Bahiana de Artistas Independentes.

INFORMAÇÕES

 Datas: 22 de novembro de 2012 | Horários: quinta-feira, às 21h30 R$ 16,00 (inteira); R$ 8,00 (usuário matriculado no SESC e dependentes, +60 anos, estudantes e professores da rede pública de ensino). R$ 4,00 (trabalhador no comércio e serviços matriculado no SESC e dependentes).

LOCAL – SESC Pompeia – Choperia (800 lugares). Classificação etária: 18 anos Rua Clélia, 93, Pompéia. Telefone. 11 3871-7700. www.sescsp.org.br

Author: Redação

Share This Post On

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *