Revista Debate os Museus

Poucas são as oportunidades de refletir sobre o papel e desempenho dos principais museus brasileiros. A falta de espaço de debate e discussão começa a ser solucionada com publicações como Musas – Revista brasileira de museus e museologia. O número de estréia traz, na reportagem de capa, uma das principais instituições de preservação da memória de Belo Horizonte, o Museu Histórico Abílio Barreto (MHAB). Com periodicidade anual, a publicação está articulada com ações da política nacional para o setor e pretende estimular o intercâmbio e disseminação das informações.

Musas apresenta dossiê com documentos e textos elaborados pelos brasileiros que integram o Comitê Internacional para Ação Educativa e Cultural do Conselho Internacional de Museus. Há também artigos de especialistas, como Marília Xavier Cury e Maria Cristina de Freitas Gomes. As novidades chegam na seção Muselânia, que traz matéria sobre o decreto que implementa o Sistema Brasileiro de Museus, além de informações sobre oficinas de capacitação em museologia. Também explica o sistema de controle do acervo museológico do Museu da Inconfidência, de Ouro Preto.

O Museu Histórico Abílio Barreto aparece na seção Museu visitado. A cada edição, a proposta da revista é traçar um panorama sobre alguma instituição nacional. Além da reportagem sobre o MHAB, há entrevista com a diretora Thaïs Velloso Cougo Pimentel, que ajuda o leitor a compreender a relação dinâmica da instituição com a capital mineira. De acordo com ela, “nunca a instituição esteve tão próxima e no caminho de ampliar esta proximidade como atualmente”. Para Thaïs, um importante desafio “é manter acesa a curiosidade do cidadão sobre um lugar do qual se diz abrigar a memória da cidade”.

Musas

Revista Brasileira de Museus Produzida pelo Departamento de Museus e Centros Culturais do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). Periodicidade anual. R$ 20. Informações: www.iphan.gov.br

 

    Author: Redação

    Share This Post On