Vale-Cultura será sancionado na próxima semana

O Vale-Cultura, uma das principais bandeiras da gestão Marta Suplicy no Ministério da Cultura, será sancionado pela presidente Dilma Rousseff na próxima  semana, segundo a ministra, e terá a participação de todas as empresas  estatais.
“A presidenta está para assinar o decreto na próxima semana. Na terça eu  visitei a última estatal que faltava, a Petrobras, que também vai entrar”, disse  Marta.

“Todos os funcionários dos Correios, da Caixa, do Banco do Brasil, da  Petrobras, de todas as estatais vão entrar. Isso vai dar mais ou menos 200 mil  pessoas beneficiadas, fora as empresas privadas que vão participar.”

O Vale-Cultura é um benefício mensal de R$ 50 para a aquisição de bens  culturais por trabalhadores que recebam até cinco salários mínimos. Empresas de  lucro real -com receita bruta total superior a R$ 48 milhões no ano anterior-  podem destinar ao vale até 1% do Imposto de Renda devido. A isenção fiscal  financia R$ 45 do benefício, e os R$ 5 restantes ficam a cargo do trabalhador ou  da empresa.

Segundo a ministra, haverá “um efeito grande na produção cultural”,  notadamente em cidades pequenas, ao criar demanda.

“A pessoa pode usar com tudo que for majoritariamente cultural – cinema,  teatro, museu, livraria, banca de jornal e instrumento musical. Se não tem  produção cultural na cidade, como a pessoa vai gastar? Vai gastar na cidade  vizinha, provavelmente”, disse Marta.

    Author: Redação

    Share This Post On

    Enviar um comentário

    O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *