“Som da Fronteira”

Com patrocínio do Fundo de Investimentos Culturais (FIC/MS), gerido pela Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul, acontece neste domingo (17 de julho), em Ponta Porã, o lançamento do projeto Som da Fronteira, que prevê apresentações culturais gratuitas nos bairros, destacando talentos da cidade.

A primeira etapa do projeto acontece no Grande Marambaia, em frente ao Ginásio Rachid Saldanha Derzi, a partir das 14 horas e contará com intervenções culturais, cinema, teatro, recreação e apresentação de peças produzidas por alunos dos projetos culturais da Fundação de Cultura e Esporte de Ponta Porã. Às 18 horas acontece o show principal, com a banda de Pop Rock Sociedade dos Sons.

O projeto foi desenvolvido pela Fundação de Cultura e Esporte de Ponta Porã e tem como objetivo levar até a população de todo o município apresentações de bandas e músicos do cenário musical alternativo, mas com estilos diversos, passando da MPB, pop rock, jazz, blues até a música clássica.

As atividades irão acontecer no segundo final de semana de cada mês e de forma itinerante: as atrações devem se apresentar diretamente nos bairros, atingindo um público estimado de 30 mil pessoas. São ao todo sete etapas, que contarão com a apresentação de músicos e bandas no Palco Interatividade Musical, além de mostra de arte, artesanato, cinema e teatro.

O Som da Fronteira também pretende proporcionar aos artistas locais um espaço de apresentação de sua produção musical, bem como descentralizar as ações na área musical, permitindo que a população tenha acesso ao evento interaja com artistas e suas obras.

“O projeto é fundamental para ampliarmos as ações e levarmos arte e cultura para o maior número possível de pessoas em Ponta Porã. Estamos felizes com a escolha do Som da Fronteira, feita pela coordenação do FIC. É uma forma de impulsionar as nossas manifestações culturais”, explica o diretor-presidente da Funcespp, Adir Teixeira.

“Ponta Porã possui músicos e bandas de qualidade que produzem excelentes trabalhos, mas que não possuem tanto espaço na mídia. Através do Som da Fronteira podemos fomentar este segmento e aproximar a arte musical do nosso povo”, garante o diretor municipal de Cultura, Eder Rubens.

Serviço: A entrada para o Som da Fronteira é gratuita. O projeto tem início às 14 horas no Grande Marambaia, em frente ao Ginásio Rachid Saldanha Derzi. Às 18 horas acontece o show da banda Sociedade dos Sons.

Author: Redação

Share This Post On

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *