Programadora Brasil reabre inscrições para trabalhos

programadora-brasil Até 20 de julho, estão abertas as inscrições para obras audiovisuais brasileiras no banco de dados da Programadora Brasil. Os títulos devem ter duração mínima de cinco minutos e máxima de trinta minutos, sendo que não serão aceitas séries produzidas para a TV. As obras podem ser de qualquer gênero e ano de realização, desde que possuam o CPB (Certificado de Produto Brasileiro), emitido gratuitamente pela Ancine (Agência Nacional de Cinema).

A Programadora Brasil consolida-se como uma nova oportunidade de circulação de obras cinematográficas de realizadores brasileiros. Atualmente, o projeto conta com 330 títulos em seu acervo, que já podem ser adquiridos por seus mais de 754 pontos de exibição audiovisual associados em todos os Estados do país.

Em caso de inclusão no catálogo do projeto, os filmes e vídeos serão contratados, sem exclusividade, para a duplicação de mil cópias e serão disponibilizados em DVD para pontos de exibição não-comerciais associados ao projeto, por meio de um sistema on-line de aquisição. A inscrição não garante a inclusão do título, que pode ou não ocorrer em qualquer prazo.

É a segunda vez que a Programadora realiza esse processo. De julho a agosto de 2008, 277 títulos foram inscritos. Deste grupo, as obras que ainda não receberam o convite para integrar o catálogo, não devem se reinscrever; estes filmes continuam fazendo parte do banco de dados e estarão disponíveis para os curadores assim como os novos inscritos.

Para inscrever um ou mais títulos, o responsável deve ler o regulamento, concordando com as condições; preencher a ficha de informações do filme no site da Programadora Brasil e encaminhar uma cópia da obra em DVD até o dia 20 de julho para a Cinemateca Brasileira no seguinte endereço:

A/C Coordenação de Programação e Produção da Programadora Brasil
Rua Capitão Macedo, 580
Vila Clementino
CEP 04021-020
São Paulo – SP

    Author: Redação

    Share This Post On