Ocupação da Funarte

O Movimento dos Trabalhadores da Cultura (MTC) que ocupou, na tarde da segunda-feira (25), o prédio da Funarte – instituição de apoio e fomento à arte vinculada ao Ministério da Cultura (MinC) –, convoca mais artistas para se juntarem à mobilização.

“Estamos organizados como trabalhadores e convidamos os trabalhadores que perderam a paciência que venham pra cá”, explica Fábio Resende, integrante da Brava Companhia de Teatro.

A convocatória é para que os coletivos de arte transfiram seus ensaios e trabalhos para o prédio do governo. Nesta terça-feira (26), os grupos de teatro, dança, circo, vídeos e outras artes que já estão na Funarte iniciaram o dia com diversas atividades culturais.

“Chamamos a todos trabalhadores interessados em arte pública e cultura pública neste país, que é arte feita para todos e por todos, a se juntar a este acampamento”, afirma Natália Siufi Grupo Teatral Parlendas, da Rede Brasileira de Teatro de Rua.

Sob a palavra de ordem “É hora de perder a paciência”, o protesto dos trabalhadores da cultura começou às 14h da segunda-feira em frente ao prédio do órgão com cerca de 700 pessoas. Por volta das 17h, os manifestantes resolveram ocupar a Funarte, localizada na região central de São Paulo.

Os manifestantes protestam contra as políticas públicas de financiamento dos programas culturais que, segundo eles, acabam beneficiando somente as empresas, como por exemplo o modelo de renúncia fiscal praticado via Lei Rouanet, instrumento do MinC criado em dezembro de 1991, que possibilita o financiamento das atividades culturais pela iniciativa privada em troca de incentivos fiscais.

O movimento reivindica o imediato descontingenciamento de 2/3 da verba para cultura (corte do orçamento anunciado pelo governo federal); e a aprovação das PEC´s 150 – que garante que o mínimo de 2% (hoje, 40 bilhões de reais) do orçamento geral da União seja destinado à Cultura –, e 236 – que prevê a cultura como direito social.

A ocupação foi realizada de forma pacífica e festiva. Logo que ocuparam o prédio, os

manifestantes iniciaram a formação de comissões e a divisão de tarefas. O objetivo do movimento é, além da abertura de um canal de negociação com o governo federal, construir uma discussão coletiva sobre “uma nova forma de se fazer política”.

Na assembleia realizada na noite da segunda-feira, que determinou a ocupação por tempo indeterminado, estavam presentes 300 pessoas.

Veja a convocatória do Movimento dos Trabalhadores da Cultura:
Venha ocupar a Funarte conosco!

E já que a casa é nossa, alguns grupos amanhecem esta terça-feira, dia 26, já ensaiando por aqui. Traga o seu coletivo para ocupar: transfira para cá os ensaios e trabalhos! Há bastante espaço! Abrimos as portas da Funarte! O MTC segue na luta por tempo indeterminado! Assembleia às 09:00 horas!

 

Não se engane! Não estamos fazendo aqui uma ocupação estética estática.

 

O MinC, por meio da Funarte SP, tomou conosco uma atitude de democracia hipócrita: abriu as portas da casa para os trabalhadores da cultura até quinta-feira, mas com intenção de neutralizar nosso discurso.

 

Isso para dar a impressão de que queremos apenas fazer barulho, sem mostrar o que vem ocorrendo com a política de verbas para a Cultura.

 

Da mesma forma hipócrita, a Funarte liberou uma pequena verba de R$ 100 milhões semana passada; para dizer que há muito dinheiro quando na verdade o dinheiro vem sendo cortado drasticamente. Pior: tratava-se de rebarba do orçamento do ano passado.

 

A verdade é que dois terços da verba federal para Cultura foi cortada. Exigimos aprovação da PEC 150. Ela garante que o mínimo de 2% do orçamento geral da União seja destinado à Cultura.

 

Exigimos também a aprovação da PEC 236. Ela prevê a Cultura como direito social.

 

Aproveitamos então o tão singelo abrir dessas portas e estendemos o convite para todos os artistas, todos os trabalhadores da cultura:

 

Junte seu grupo e mostre a todos os governos que sabe o que quer!

 

Arte pública com dinheiro público!

 

Fim do engôdo chamado incentivo cultural via isenção fiscal!

 

Por políticas culturais estruturantes!

 

Cultura não é mercadoria!

 


    Author: Redação

    Share This Post On

    113 Comentários

    1. Enjoyed every bit of your post.Really looking forward to read more. Keep writing.

    2. Major thanks for the article.Really thank you! Much obliged.

    3. I really like and appreciate your blog. Really Great.

    4. Thanks-a-mundo for the blog article. Keep writing.

    5. I loved your article post.Really thank you!

    6. I really enjoy the blog post.Really thank you! Keep writing.

    7. Im grateful for the blog post. Really Cool.

    8. Thank you for your blog post.Much thanks again. Fantastic.

    9. I think this is a real great article post.Really looking forward to read more. Really Great.

    10. Thank you ever so for you blog article.Really looking forward to read more. Cool.

    11. Thanks so much for the blog article.Much thanks again. Want more.

    12. I really enjoy the post.Really thank you! Awesome.

    Trackbacks/Pingbacks

    1. Hardcore sex cyberfucker slut xxx - Title... [...]we prefer to honor quite a few other world-wide-web websites around the web, even when they aren’t linked to us, …
    2. web hosting philippines - Title... [...]Wonderful story, reckoned we could combine several unrelated data, nonetheless actually worth taking a look, whoa did one particular study …
    3. banery przestrzenne - Its hard to find good help... I am constantnly saying that its hard to get quality help, but here is...
    4. how to nlp - Title... [...]here are some hyperlinks to websites that we link to since we consider they are really worth visiting[...]...
    5. viagra - Title... [...]check below, are some entirely unrelated sites to ours, nonetheless, they're most trustworthy sources that we use[...]...
    6. funeral programs - Title... [...]here are some links to web pages that we link to due to the fact we consider they're really worth …
    7. buy youtube views cheap - Title... [...]the time to read or check out the material or web sites we have linked to below the[...]...
    8. purchase twitter followers - Title... [...]Wonderful story, reckoned we could combine a couple of unrelated data, nonetheless actually worth taking a search, whoa did one …
    9. bespoke kitchens nottingham - Title... [...]that is the finish of this write-up. Here you will discover some sites that we assume you’ll enjoy, just click …
    10. stunguns - Title... [...]we came across a cool internet site which you may possibly delight in. Take a appear should you want[...]...
    11. ocarina for sale - Title... [...]Every the moment in a although we select blogs that we read. Listed below are the newest sites that we …
    12. youtube views - Title... [...]below you’ll come across the link to some websites that we assume you'll want to visit[...]...
    13. bawu for sale - Title... [...]Sites of interest we have a link to[...]...
    14. escort milano - Title... [...]very few internet sites that come about to become comprehensive below, from our point of view are undoubtedly properly worth …
    15. commercial property inspections - Title... [...]here are some hyperlinks to web pages that we link to due to the fact we assume they're worth visiting[...]...
    16. ps4 features - Title... [...]Here are a number of the web pages we advise for our visitors[...]...
    17. earn real cash fast - Title... [...]Here are some of the internet sites we advocate for our visitors[...]...
    18. profile - Title... [...]always a major fan of linking to bloggers that I really like but don’t get a great deal of link …
    19. ipad 2 apple - Title... [...]very handful of web sites that take place to be comprehensive beneath, from our point of view are undoubtedly nicely …
    20. traders insurance for under 21 - Title... [...]please pay a visit to the web pages we comply with, which includes this one particular, because it represents our …
    21. Nationwide Transport Services - Title... [...]we prefer to honor several other net web pages around the internet, even though they aren’t linked to us, by …

    Enviar um comentário

    O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *