O Portal da Cultura Brasileira

 

banner-cr (1) BRASIL CULTURA com botao radio 596x320

Com o intuito de tornar a navegação no Brasil Cultura mais agradável e menos complicada, redesenhamos o layout (identidade visual) da página, deixando-o mais brasileiro, divertido e interativo. Agora, além de ser possível acessar os mais de 4.000 artigos e mais de 5.000 imagens através das categorias tradicionais, pode-se comentar avaliar e compartilhar os textos pelos novos widgets (componentes) que foram adicionados.

A cultura como sabemos, é um instrumento de relações sociais e a forma pelas quais homens e mulheres atuam em sociedade.

brasil cultura culturaNós do Portal Brasil Cultura queremos democratizar a cultura. Democratizar a Cultura é democratizar o acesso aos bens da cultura universal, permitindo às pessoas se elevarem à autoconsciência de participar no gênero humano. O Portal da Cultura Brasileira esta entre os maiores sites da internet brasileira em número de visitantes únicos. A lista mostra as audiência de acordo com o acesso a computador, laptop e no nosso caso também via celulares.

BOTAOBRCULTURA00001RÁDIO BRASIL CULTURA

 

No ar 24 horas por dia com uma programação diversificada, levando até você informação e cultura. É um serviço de transmissão de áudio via Internet com a tecnologia streaming gerando áudio em tempo real. Pioneira das emissoras na web do Brasil. Seu objetivo é complementar e ampliar a oferta de conteúdos, oferecendo uma programação de natureza informativa, cultural, artística e formadora da cidadania.

Se você quer ouvir música, hora certa, noticias, especiais do mundo da cultura brasileira, não pode deixar de conhecer a Rádio Brasil Cultura. É muito gostoso ouvir música popular brasileira enquanto você navega na Internet. Ao invés de ouvir músicas de um CD de música ou de uma biblioteca do Windows Media Player você pode retemperar a saúde da alma brasileira ligado a Rádio Brasil Cultura. Assim você pode trabalhar no computador…

Ouça a Rádio Brasil Cultura pelo seu celular ou tablet via internet. É simples, rápido e fácil.  Click no icone do PlayStore do seu smartphone e procure pelo aplicativo ” Rádios Brasil Cultura ”

 

Vem ai Web TV Brasil Cultura!

 

A Cultura Brasileira é o resultado da miscigenação de diversos grupos étnicos que participaram da formação da população brasileira. A diversidade cultural predominante no Brasil é consequência também da grande extensão territorial e das características geradas em cada região do país.

 

Formao da Cultura Brasileira

A Formação da Cultura Brasileira

A formação da cultura brasileira, em seus vários aspectos, resultou da integração de elementos das culturas: indígena, do português colonizador, do negro africano, como também dos diversos imigrantes.

Cultura Indígena

indigenasForam muitas as contribuições dos índios brasileiros para a nossa formação cultural e social. Do ponto de vista étnico, contribuíram para o surgimento de um indivíduo tipicamente brasileiro: o caboclo (mestiço de branco e índio).

Na formação cultural, os índios contribuíram com o vocabulário, o qual possui inúmeros termos de origem indígena, como pindorama, anhanguera, ibirapitanga, Itamaracá, entre outros. Com o folclore, permaneceram as lenda como o curupira, o saci-pererê, o boitatá, a iara, dentre outros.

A influência na culinária se fez mais presente em certas regiões do país onde alguns grupos indígenas conseguiram se enraizar, como na região norte, onde os pratos típicos estão presentes, entre eles, o tucupi, o tacacá e a maniçoba.

Raízes como a mandioca é usada para preparar a farinha, a tapioca e o beiju. Diversos utensílios de caça e pesca, como a arapuca e o puçá. Por fim, diversos utensílios domésticos, foram deixados como herança, entre eles, a rede, a cabaça e a gamela.

 

Cultura Portuguesa

portuguesPortugal foi o país europeu que exerceu mais influência na formação da cultura brasileira. Os portugueses realizaram uma transplantação cultural para a colônia, destacando-se a língua portuguesa, falada em todo o país e a religião católica, crença de grande parte da população, com extenso calendário religioso, com suas festas e procissões. As instituições administrativas, o tipo de construções dos povoados, vilas e cidades e a agricultura fazem parte da herança portuguesa.

No folclore brasileiro é evidente o grande número de festa e danças portuguesas que foram incorporadas ao país, entre elas, a cavalhada, o fandango, as festas juninas (uma das principais festas da cultura do nordeste) e a farra do boi. As lendas do folclore (a cuca e o bicho papão), as cantigas de roda (peixe vivo, o cravo e a rosa, roda pião etc.) permanecem vivas na cultura brasileira.

Cultura Africana

africana culturaO negro africano foi trazido para o Brasil para ser empregado como mão de obra escrava. Conforme as culturas que representavam (ritos religiosos, dialetos, usos e costumes, características físicas etc.) formavam três grupos principais, os quais apresentavam diferenças acentuadas: os sudaneses, os bantos e o malês. (sudaneses islamizados).

Salvador, no nordeste do Brasil, foi a cidade que recebeu o maior número de negros e onde sobrevivem vários elementos culturais como o “traje de baiana” (com turbante, saias rendadas, braceletes, colares), a capoeira, os instrumentos de música como o tambor, atabaque, cuíca, berimbau e afoxé.

De modo geral, a contribuição cultural dos negros foi grande: na alimentação (vatapá, acarajé, acaçá, cocada, pé de moleque etc.); nas danças (quilombos, maracatus e aspectos do bumba meu boi); nas manifestações religiosas (o candomblé na Bahia, a macumba no Rio de Janeiro e o xangô em alguns estados do nordeste).

Cultura dos Imigrantes

imigrantesOs imigrantes deixaram contribuições importantes na cultura brasileira. A história da imigração no Brasil começou em 1808, com a abertura dos portos às nações amigas, feita por D. João. Assim, para povoar o território vieram famílias portuguesas, açorianas, suíças, prussianas, espanholas, sírias, libanesas, polonesas, ucranianas e japonesas que se estabeleceram no Paraná e no Rio Grande do Sul.

O grande destaque foram os italianos e os alemães, que chegaram em grande quantidade. Eles se concentraram na região sul e sudeste do país, deixando importantes marcas de suas culturas para o país, principalmente na arquitetura, na língua, na culinária, nas festas regionais e folclóricas.

A cultura vinícola do sul do Brasil se concentra principalmente na região da serra gaúcha e de campanha, onde predomina descendentes de italianos e alemães.

Curitiba com o bairro Santa Felicidade assim como a cidade de São Paulo, em virtude do grande fluxo de italianos, fez surgir bairros como o Bom Retiro, Brás, Bexiga e Barra Funda, onde é marcante a presença de italianos, e com eles vieram as massas típicas como a macarronada, a pizza, a lasanha, o canelone, entre outras.

 

Diversidade Cultural Brasileira

Diversidade-culturalAprovada em 2001 por 185 Estados-Membros a “Declaração Universal da UNESCO sobre a Diversidade Cultural”, representa o primeiro instrumento destinado a preservar e promover a diversidade cultural dos povos e o diálogo intercultural, sendo a diversidade reconhecida como “herança comum da humanidade”.

Cada região brasileira, apresenta aspectos singulares relativos aos costumes, crenças ou manifestações culturais e artísticas

Região Norte

regiao-norte-capitaisDentre as manifestações culturais presentes na região norte do Brasil destacam-se as duas maiores festas populares da região, a saber: o Festival de Parintins, a maior festa do boi-bumbá do país, criada em 1965, que ocorre no estado do Amazonas; e a festa do Círio de Nazaré, considerada uma das maiores manifestações religiosas católicas do país que acontece em Belém (PA).

Ainda em Belém do Pará, destaca-se o carimbó, uma dança e gênero musical de origens indígenas. Alguns alimentos típicos da região norte são: mandioca, tucupi, tacacá, jambu, carne de sol, camarão seco, pato, jacaré, pirarucu, mussarela de búfala, pimenta-de-cheiro e frutas (cupuaçu, bacuri, açaí, taperebá, graviola, buriti).

Região Nordeste

5645e193d8508-regiao-nordesteDentre as manifestações culturais presentes na região nordeste do Brasil destacam-se muitas festas, danças, gêneros musicais, a saber: festa do bumba-meu-boi, festa de Iemanjá, lavagem das escadarias do Bonfim, Carnaval, maracatu, caboclinhos, ciranda, coco, terno de zabumba, marujada, reisado, frevo, cavalhada.

Vale lembrar que a literatura de cordel é um elemento muito presente na cultura nordestina bem como o artesanato feito com rendas.

Alguns alimentos típicos da região nordeste são: acarajé, vatapá, caruru, carne de sol, peixes, frutos do mar, sarapatel, buchada de bode, feijão-verde, tapioca, broa de milho verde, canjica, arroz-doce, bolo de fubá cozido, bolo de massa de mandioca, pamonha, cocada, tapioca, pé de moleque.

Região Centro-Oeste
atividade-regiao-centro-oeste-1-638Dentre as manifestações culturais presentes na região centro-oeste do Brasil destacam-se a cavalhada, o fogaréu, no estado de Goiás; e a dança folclórica do cururu de origem indígena que ocorre nos estados do Mato Grosso e Mato Grosso do Sul na “Festa do Divino” e na “Festa de São Benedito”.

Alguns alimentos típicos da região centro-oeste são: galinhada com pequi, sopa paraguaia, arroz carreteiro, arroz boliviano, gariroba, maria-isabel, empadão goiano, pamonha, angu, curau, peixes (dourado, pacu, pintado, etc).

Nessa região há uma grande mistura de elementos culturais das culturas indígena, paulista, mineira, gaúcha, boliviana e paraguaia. Nota-se, muitas vezes, exemplos dessa diversidade nos nomes dos muitos pratos típicos da região “arroz boliviano”, sopa paraguaia”, “empadão goiano”.

Região Sudeste

regio-sudeste-1-638Dentre as manifestações culturais presentes na região sudeste do Brasil destacam-se muitas festividades de cariz religioso e folclórico além das danças e gêneros musicais típicos da região.

Dentre os elementos presente na cultura do sudeste: festa do divino, festejos da páscoa e dos santos padroeiros, festas de peão de boiadeiro, dança de velhos, batuque, jongo, samba de lenço, festa de Iemanjá, folia de reis, caiapó, congada, cavalhadas, bumba meu boi, Carnaval.

Alguns alimentos típicos da região sudeste são: virado à paulista, cuscuz paulista, feijoada, aipim frito, bolinho de bacalhau, queijo minas, pão de queijo, feijão-tropeiro, tutu de feijão, moqueca capixaba, carne de porco, picadinho, farofa, pirão.

Região Sul

sul regiãoDentre as manifestações culturais presentes na região sul do Brasil destacam-se as festas instituídas por imigrantes advindos principalmente da Europa no século XX.

Dentre elas, destaca-se a maior festa alemã brasileira com sua primeira edição em 1984, chamada “Oktoberfest”, a festa da cerveja.

De origem germânica, essa festa acontece todos os anos na cidade de Blumenau-SC. Outra festa muito tradicional da região sul do país, de origem italiana com primeira edição em 1931 é a “Festa da Uva” que acontece a cada dois anos na cidade de Caxias do Sul-RS.

Além disso, destacam-se o fandango de origem portuguesa, a tirana e o anuo de origem espanhola. Outras festas e danças da região: festa de Nossa Senhora dos Navegantes, a congada, o boi-de-mamão, a dança de fitas, boi na vara. Alguns alimentos típicos da região sul são: vinho, chimarrão, churrasco, camarão, pirão de peixe, marreco assado, barreado.

    Author: Redação

    Share This Post On

    Enviar um comentário

    O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *