MinC e SUFRAMA discutem possíveis parcerias para estimular economia criativa na região Norte.

De passagem por Manaus, na programação de visitas à Região Norte (Amazonas, Roraima e Rondônia), a secretária de Cidadania e Diversidade Cultural do Ministério da Cultura (Minc), Márcia Rollemberg, reuniu-se na manha desta quarta-feira (18/04) com o superintendente adjunto de Planejamento e Desenvolvimento Regional da Superintendência da Zona Franca de Manaus (SUFRAMA), Jose Nagib Lima, na sede da autarquia, com o objetivo de estreitar o contato entre os dois órgãos governamentais e iniciar a construção de uma agenda conjunta voltada para o estímulo da economia criativa na região. Também participaram do encontro o representante da Regional Norte do Minc, Delson Cruz, e a coordenadora do Plano Municipal de Manaus, Luciana Monteiro.

Rollemberg apresentou ao superintendente adjunto o Plano da Secretaria da Economia Criativa do Minc, que visa à formulação, implementação e monitoramento de políticas públicas para um novo desenvolvimento fundado na inclusão social, na sustentabilidade, na inovação e, especialmente, na diversidade cultural brasileira. Segundo a secretária, ao trabalhar por um “Brasil Criativo”, o ministério quer acentuar o compromisso do Plano Nacional de Cultura com o Plano Brasil sem Miséria, através da inclusão produtiva, e com o Plano Brasil Maior, na busca da competitividade e da inovação dos empreendimentos criativos brasileiros. Ela destacou a importância da parceria institucional com a SUFRAMA, salientando que o viés econômico e do empreendedorismo deve estar mais presente na cultura popular, bem como na cultura indígena. “Nesse sentido estamos trabalhando para criar uma rede de colaboradores e a SUFRAMA tem um papel importante nesse processo, por se tratar de um órgão estratégico para a implementação e divulgação de políticas públicas do Governo Federal na Amazônia Ocidental”, afirmou.

Para o superintendente adjunto da SUFRAMA, o desenvolvimento regional tem uma relação direta com a economia criativa, que precisa ser potencializada, e ressaltou que a SUFRAMA tem muito interesse em contribuir com o Minc, e que discutirá com o superintendente geral da autarquia, Thomaz Nogueira, proposta para estabelecer um termo de cooperação institucional, com apoio de infraestrutura logística e para outras ações que não dependem de repasse financeiro, tais como disponibilização dos espaços físicos do auditório da autarquia, além de salas para realização de reuniões e videoconferência. Nagib salientou que esse deverá ser o início de uma parceria que certamente renderá resultados positivos para toda a área de atuação da SUFRAMA, que abrange os estados do Amazonas, Acre, Rondônia, Roraima e Área de Livre Comercio de Macapá-Santana.

    Author: Redação

    Share This Post On

    1 comentário

    1. KTHGYi A big thank you for your blog.Really thank you! Fantastic.

    Enviar um comentário

    O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *