Diversidade cultural faz do Carnaval no Pelô uma excelente opção

Nem só de axé music vive o carnaval de Salvador. Os interessados em aproveitar a diversidade de ritmos e de artistas da capital baiana podem ter tudo isso no Carnaval do Pelô, no Centro Histórico. O show de abertura acontece nesta quinta-feira (16/2), às 20h, e homenageará a guitarra baiana. A programação ainda traz o projeto Diálogos Percussivos, que promove o encontro entre músicos da velha guarda e jovens instrumentistas, além de noites temáticas, com shows de forró, samba e de orquestras.

Em 2012, o carnaval do Pelourinho segue a tradição de promover a diversidade cultural, oferecendo uma programação surpreendente. O show de abertura brindará o público com uma homenagem à guitarra baiana. O instrumento, antes pau elétrico, completa 70 anos. Para Armandinho, um dos principais nomes da guitarra baiana, se apresentar na abertura do carnaval do Pelô é uma honra. “Sou ligado ao carnaval desde os dez anos. Tenho história com o carnaval da Bahia”, conta. “O Pelô, por sua vez, guarda as tradições do nosso carnaval, as alegorias, a cultura afro. Fiquei muito feliz com o convite!”.

Na sexta-feira será a vez do Diálogos Percussivos. Sob a batuta do professor Jorge Sacramento, o evento reúne cerca de 30 artistas em torno de homenagens, resgates e valorização cultural daqueles que fizeram a história da música percussiva na Bahia e daqueles que pretendem preservar o legado histórico e cultural da música. Nomes como Mestre Cacau do Pandeiro, Madureira da Cuíca, Francisco do Garcia e Jaime Baraúna dividirão o palco com os mais jovens em uma noite intensa de celebração e reconhecimento. O ritmo que ditará a trilha sonora do espetáculo reservará muitas surpresas que contarão com um repertório mais que especial, incluindo boleros, batucadas, resgates musicais com participação especiais. “Inovar está no DNA do baiano”, como explica o professor Jorge Sacramento

Todas as noites, o Largo do Pelourinho será palco de shows temáticos e homenagens a mentes criativas como Luiz Gonzaga e Riachão. A cada dia um ritmo diferente ditará o clima da festa, abrindo as apresentações da noite. O Centro Histórico terá Gereba e convidados, num show de Forró em homenagem ao centenário do Rei do Baião (Luiz Gonzaga); uma noite do Samba em homenagem a Riachão, que subirá ao palco ao lado das cantoras Juliana Ribeiro, Clécia Queiroz e Claudete Macedo; uma noite das Orquestras, com apresentações da Orkestra Rumpilezz, Orquestras de Fred Dantas e do Maestro Reginaldo Xangô.

As noites temáticas contarão ainda com uma homenagem ao samba reggae, em um show intitulado de Pastores da Noite, em homenagem a romance homônimo escrito por Jorge Amado. Os cantores Lazzo e Aloísio Menezes representarão os três pastores e a cantora Wil Carvalho a personagem Marialva.

Além destes shows temáticos, diariamente, a partir das 16h, o Carnaval do Pelourinho contará com bailes infantis na Praça das Artes (em parceria com a Prefeitura Municipal de Salvador), desfiles de bandas itinerantes, performances e blocos alternativos.

Author: Redação

Share This Post On

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *