Conheça dez boas músicas para tocar no Natal

papainoelMPBEm época de fim de ano, é comum que algumas poucas canções natalinas brasileiras invadam lojas, shoppings e restaurantes. Diferente de países como os Estados Unidos, onde grandes nomes da música se dedicam ao tema em discos inteiros – como fizeram Frank Sinatra, Ella Fitzgerald ou Diana Krall – o Natal não parece motivar da mesma forma os artistas brasileiros. Mas isso não vale pra todos. Nomes como Assis Valente, Adoniran Barbosa e Chico Buarque são alguns compositores que fogem à regra, tendo em uma ou outra canção voltada para a data comemorativa.

Confira na lista abaixo dez canções que poderiam compor um repertório brasileiro da noite de Natal

Boas Festas (Assis Valente) – “Anoiteceu/o sino gemeu/e a gente ficou/ feliz a rezar”. Os primeiros versos da canção natalina de Assis Valente deixam até a impressão de mais uma ingênua e festiva letra sobre a data especial, mas, com atenção, o ouvinte vai perceber  que o “recado” do compositor não deixa o papai Noel em situação fácil: “Já faz tempo que eu pedi/mas o meu Papai Noel não vem/com certeza já morreu/ou então felicidade/é brinquedo que não tem”.

Véspera de Natal (Adoniran Barbosa) – Com a licença poética de imaginar uma chaminé no bairro do Bexiga, Adoniran Barbosa também criou sua canção natalina. Na letra, o compositor conta a história do pai de família que, pra agradar esposa e filhos , que não tem grande ceia para comemorar o Natal, resolve se fantasiar de Papai Noel. Veja o que aprontou o poeta: “Falei com minha nega de lado/eu vou subir no telhado/e descer na chaminé/enquanto isso você/pega a criançada e ensaia o dingo-bel/Ai meu Deus que sacrifício/o orifício da chaminé era pequeno/pra me tirar de lá/foi preciso chamar os bombeiros”.

Cartão de Natal (Luiz Gonzaga/Zé Dantas) – A dupla que compôs, entre outros clássicos, “A volta da Asa Branca ” e “Cintura fina” também passou pelos festejos natalinos em seu repertório. Longe do ritmo do baião, Gonzaga e Dantas fazem em forma de oração a canção “Cartão de Natal”, que pede felicidades também para o ano que se aproxima: “Um ano novo afortunado/venturoso e abençoado/tão ditosa oração do além/seja ouvida por Deus/e que os anjos digam amém/blem, blem, blem”.

Canção de Natal (Chico Buarque) – em 1967, uma imobiliária distribuiu de presente para seus clientes nada menos que uma canção natalina de Chico Buarque. Trata-se da marchinha “Canção de Natal”, que ficou esquecida em meio a vasta obra do compositor carioca. “Tão bom, tão bom que foi o Natal/Ah quem me dera fosse o ano inteiro igual”.

Confira outras canções brasileiras para comemorar a noite de Natal:

Depois do Natal (Djavan)

Feliz Natal (versão de Ivan Lins para Feliz Navidad, do porto-riquenho José Feliciano)

Hoje é Natal (Cassiano)

Feliz Natal, Papai Noel (Martinho da Vila)

Poema de Natal (Vinícius e Toquinho)

O velhinho (Dominguinhos)

 

FONTE

    Author: Claudio Ribeiro

    Share This Post On

    Enviar um comentário

    O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *