Chico diz que prefere distância das polêmicas de Ana de Hollanda no MinC

O músico diz que mal sabe o que é Creative Commons

Chico Buarque não se sente muito confortável em ver sua irmã, a ministra da cultura Ana de Hollanda, em meio a tantos assuntos polêmicos e ser alvo de várias críticas. Em entrevista à revista “Rolling Stone”, o compositor disse que prefere ficar distante, por exemplo, da discussão sobre direitos autorais.

“Mantive-me alheio a esse assunto. Exatamente porque desde o início tentou-se passar a impressão de que eu teria alguma ingerência na nomeação da minha irmã como ministra. Para mim, o mais confortável era que o Juca Ferreira continuasse sendo ministro. Até mesmo para que as pessoas xingassem o Juca Ferreira e não a minha irmã nos jornais [risos]”, disse Chico.

“São tantos assuntos pelos quais a gente tem de se interessar, tantos jornais que a gente tem de ler, tantas notícias que a gente tem que ficar por dentro, que eu prefiro deixar esse de lado. E há colegas meus que estão brigando, discutindo isso com muito mais conhecimento de causa do que eu. Prefiro não opinar. Nem sei direito o que é o Creative Commons, o que isso deixa de ser”, completou o músico sobre o assunto.

Sobre a pressão de compor um novo disco, Chico Buarque avisa que isso não costuma incomodá-lo e que, novamente, deve haver um longo tempo de espera até o próximo álbum. “Não tenho contrato com gravadora, não tenho obrigação nenhuma e já é suficiente a pressão que a gente exerce sobre si próprio”, finalizou.

  

    Author: Redação

    Share This Post On

    Enviar um comentário

    O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *