Celebração do Cinquentenário: Brasília Outros 50

brasilia-outros-50_crCardápio cultural brasiliense na festa da capital federal, de 20 a 23 de abril, no Complexo Cultural da Funarte. A diversidade cultural da capital federal e do Entorno será apresentada por mais de dois mil artistas na programação do Brasília Outros 50, nos dias 20, 21, 22 e 23 de abril. Mais uma opção para quem pretende comemorar o cinquentenário da cidade.

Com patrocínio dos Ministérios da Cultura (MinC) e do Turismo (MTur) e iniciativa do Fórum de Cultura do Distrito Federal, serão realizadas atividades culturais para a semana comemorativa do aniversário de Brasília, no gramado do Complexo Cultural da Funarte – ao lado da Torre de TV -, com mais de 50 horas de apresentações de música, teatro, cinema, circo, artes visuais, artes digitais, poesia, dança e outras manifestações artísticas.

Na ampla programação musical, destacam-se Célia Porto, Móveis Coloniais de Acaju, Detrito Federal, Tijolada Reggae, dentre outros artistas e grupos locais. Como convidados desses, participam os vocalistas Frejat (Banda Barão Vermelho), Marcelo Yuka (F.U.R.T.O), Marcio Macena (Maskavo Roots), Egypcio (Tihuana), Alexandre Carlo (Natiruts), Fernando Anitelli (Teatro Mágico) e Marcelo Falcão (O Rappa).

“Será uma festa maravilhosa, que mostrará de tudo um pouco”, afirma o presidente da Funarte/MinC, Sérgio Mamberti. “Fiquei muito feliz quando nós da Funarte, por meio Ministério da Cultura, fomos procurados pelos artistas para ajudar na festa”, ressalta.

Para Fred Maia, assessor especial do ministro Cultura, o evento deseja reproduzir a ideia da diversidade de Brasília, de capital receptiva e que já nasceu patrimônio histórico. “Brasília é uma cidade que abraça todas as diversidades da cultura brasileira. O evento Brasília Outros 50 irá reproduzir essa identidade. Esta comemoração é muito importante, principalmente porque é uma iniciativa dos artistas da cidade.”

Outro destaque da programação será o Palco Hip Hop, com 250 artistas dos quatro elementos: Rap, Grafite, DJ e Break. Além disso, será realizada oficina de capacitação para o Prêmio Cultura Hip Hop, iniciativa do Ministério da Cultura em parceria com o Instituto Empreender e a ONG Ação Educativa.

O maestro Renio Quintas, um dos profissionais da cidade a se apresentar na celebração, espera que a festa seja uma demonstração de amor à cultura da cidade. “Será um misto de honra e alegria poder contar com artistas de Brasília que têm uma relação sincera e honesta com a capital de uma geração nascida e moradora daqui”, afirma.

Brasília Outros 50 mostra como os artistas de Brasília querem ser tratados nos próximos 50 anos com espaço cutural, respeito e qualidade. As pessoas que passarem por lá vão ouvir DJ’s, MPB, Samba, Rock, Blues, Hip Hop. Serão 50 horas de música com todo mundo tocando e se divertindo”, finaliza o maestro e produtor, que coordena a área musical do evento.

Um dos rappers mais conhecido de Brasília, Gog, afirma que o Palco Hip Hop será um dos grandes diferenciais da festa Brasília Outros 50. “Pela primeira vez esta cultura, que representa grande parte dos anseios e lutas da juventude urbana das periferias do Distrito Federal e Entorno, está inserida tanto na concepção quanto na apresentação do aniversário da capital. Algumas ‘homenagens surpresa’ serão feitas para importantes personalidades da Cultura Hip Hop do DF”, conclui o cantor e compositor brasiliense.

Palco Atitude

O Palco Atitude abrigará, durante os três dias de evento, os estilos de Rock (heavy metal, hard rock, harcore, indie e fusões), Reggae e Blues. Na primeira noite, o palco será aberto com bandas de metal como Khálice, Elfus e Misty Mountain e, após a meia-noite, haverá bandas de rock e blues, que contarão com a participação de dois convidados especiais: o guitarrista Nuno Mindélis, que se apresenta com a Brasilian Blues Band, e o gaitista Sérgio Duarte, que fará participação especial no espetáculo do guitarrista Celso Salim. A noite ainda conta com a presença das Bandas Rafael Cury, Terno Elétrico, Ligação Direta e Loro Jones, dentre outros.

Para Todos – A Associação dos Intérpretes de Libras do Distrito Federal disponibilizará para o público de deficientes auditivos a interpretação em libras de todas as apresentações de música, poesia, circo, diálogos culturais e cultura popular. Mais de uma centena de cadeirantes do DF, representantes do movimento pela inclusão e cidadania, farão um ato pela acessibilidade universal, no dia 21 de abril.

Outras Atividades – Além da área externa, demais espaços do Complexo Cultural da Funarte/MinC, como a Sala Cássia Eller, o Teatro Plínio Marcos e a Galeria Fayga Ostrower, também contarão com atividades artístico-culturais. A partir de terça-feira, dia 20, haverá espetáculo de artes cênicas, exibição de filmes e apresentação musical, dentre outras atrações abertas ao público.

    Author: Redação

    Share This Post On

    17 Comentários

    1. wonders, appeared to be

    2. similar to Cartercar, Sheridan, Scripps-Booth along with

    3. get across for your

    Enviar um comentário

    O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *