PAELLA VALENCIANA (Para 10 pessoas)

paellaFinal de ano! O prato que o Portal Brasil Cultura escolheu foi a Paella… um prato único, cujo trabalho fica em seu preparo, mas que depois te deixa à vontade para um bate papo! Passamos a receita da Paella Valenciana.

A Terra Natal deste prato é a região de Valência, na costa leste da Espanha.

Ele surgiu como alimento dos camponeses, nos séculos XV e XVI, quando saíam para o trabalho rural, levando arroz, óleo de oliva e sal, além do recipiente para cozinhar: uma panela redonda com alças, ampla e rasa chamada de “Paella”.

Esse formato facilitava o mexido do arroz e seus componentes durante o preparo, proporcionando um cozimento por igual.

Como a origem desta verdadeira delícia está fortemente relacionada ao campo, incorporavam à receita do prato os ingredientes que encontravam, tais como, carne de caça, sobretudo de lebre e de pato, legumes da estação e açafrão (nobre especiaria) retirada das flores, dando o colorido amarelado ao arroz.

Passado algum tempo, a Paella difundiu-se e alcançou o litoral. Aí acrescentou-se os frutos do mar: camarões, lulas, vôngoles, mexilhões, lagostins e polvo, tornando-o um prato mixto (terra e mar).

A origem da Paella vem do latim “Patella”, bandeja usada na antiga Roma destinada às oferendas aos Deuses, nos rituais de fecundação da terra.

Dizem também os historiadores que a palavra “Paella” surgiu quando os trabalhadores rurais voltavam para seus lares nos finais de semana e em homenagem às suas esposas preparavam essa deliciosa iguaria “Para Ellas” dando origem ao nome.

A Paella é um prato festivo que os Espanhóis saboreiam em datas marcantes como: casamentos, aniversários, batizados, feriados religiosos e finais de semana.

PAELLA VALENCIANA (Para 10 pessoas)

INGREDIENTES

500 g de Sassami (Filézinho do Peito de Frango)

500 g de Lombo de Porco em cubos

40 Camarões (de médio para grandes)

500 g de Cação (gosto de Cação para preparos demorados com peixes) em cubos

500 g de Polvo em pedaços

500 g de Lulas em anéis

300 g de Mariscos limpos

750 ml de Vinho Tinto seco

200 ml de Azeite de Oliva Extravirgem

300 g de Ervilhas frescas

100 ml de Vinho tinto (usar o do cozimento das Lulas e Polvo, como explicado adiante)

2 Pimentões verdes

1 Pimentão vermelho

600 g de Arroz

1 Cebola picada

1 colher (sobremesa) de Páprica picante

1 Litro de caldo de Frango caseiro

2 Litros de caldo de Peixe (usei Hondashi)

1 pitada generosa de Açafrão em pistilos

1 maço de Salsa

4 Tomates Concassè (sem casca e sem sementes, cortado em cubinhos)

2 Linguiças Calabresas em rodelas

100 g de Azeitona Preta sem caroço

PREPARO

1 – Cozinhe as Lulas e o Polvo em Vinho tinto e 3 dentes de alho na pressão, por 10 minutos contando do momento de abrir pressão;

2 – Salteie o Frango e o Lombo;

3 – Salteie os camarões e flambe;

4 – Corte todos os temperos. Para os pimentões, faça cubinhos e um pouco de tiras (para a decoração);

5 – Leve a Paellera ao fogo, aqueça e coloque o Azeite;

6 – Frite a Cebola, o Pimentão em cubos, a Calabresa e o Tomate Concassè;

7 – Adicione os frutos do mar, a Páprica e a Salsa picada;

8 – Junte o arroz, o vinho e o Caldo de Frango. Deixe por 10 minutos, mexendo bem;

9 – Coloque o Caldo de Peixe, decore com as Ervilhas, as Azeitonas e as tiras de Pimentão.

10 –Cubra com papel alumínio e deixe cozinhar!

    Author: Redação

    Share This Post On

    1 comentário

    1. dbEOiH I really like and appreciate your blog post.Much thanks again. Great.

    Enviar um comentário

    O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *