Ouça “História Hoje” 30/08: Há 26 anos, morria o pintor e escultor Jean Tinguely

Jean Tinguely

Em 30 de agosto de 1991, morre o pintor e escultor suíço Jean Tinguely, uma grande e influente expressão da vanguarda artística europeia, nas últimas décadas.

Apresentação Carmen Lúcia

ANTES DE OUVIR O ÁUDIO DESLIGUE O SOM DA RÁDIO BRASIL CULTURA NO TOPO DA PAGINA

Tinguely foi um dos fundadores do Novo Realismo  – técnica que aproveita e recicla materiais do cotidiano transformando-os em obras de arte.

 

Os trabalhos desse artista “inauguram” uma nova corrente de representação que ficou conhecida como arte cinética –  onde há uma real introdução de movimento nas obras –, e que se tornou cada vez mais frequente a partir da década de 1950.

 

A obra de Jean Tinguely é uma arte de protesto que nasceu com o objetivo de chocar a sociedade burguesa. Traz uma estética e um conceito próximo ao dadaísmo – movimento artístico moldado na desconstrução da arte tradicional, tendo como proposta a ideia da desordem, do acaso e do caos.

 

As esculturas tem funções e formas diversas e, de certa maneira, exaltam a ciência e o progresso tecnológico que marcou o pós-guerra. Mas ainda assim são consideradas por especialistas máquinas satíricas, com movimentos descoordenados.

 

Uma obra que ilustra bem a proposta de Jean é a escultura que ele apresentou no Museu de Arte Moderna de Nova Iorque, cuja função foi a de se autodestruir.

 

A Dança MacabraOutra obra cinética famosa e que também é assinada por ele é “A Dança Macabra”. Atualmente, exposta no Museu Tinguely.

 

Desenhado pelo arquiteto Ticino Mario Botta o Museu Tinguely mantém uma exposição permanente das obras, documentos relacionados à vida e ao trabalho do artista, fotografias e várias esculturas de arte cinética.

 

História Hoje: Programete sobre fatos históricos relacionados às datas do calendário. Vai ao ar pela Rádio Brasil Cultura de segunda a sexta-feira

 

 

    Author: Brasil Cultura

    Share This Post On

    Enviar um comentário

    O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *