Curitiba – Mocidade Azul é a escola campeã do Carnaval 2014

A Escola de Samba Mocidade Azul é a nova campeã do Carnaval de Curitiba. A escola ficou com o título depois de levar para a Avenida Marechal Deodoro o enredo “Quero brincar de ser mau!!! Mocidade faz buuu…Neste Carnaval!!”.

Depois de 15 anos, o desfile das escolas de samba do Carnaval de Curitiba voltou ao Centro da cidade, na Avenida Marechal Deodoro. A festa começou antes das 19h30 com o desfile dos blocos Afoxé, Derrepente e Rancho das Flores, que prepararam a avenida para as escolas de samba. Primeiramente, desfilaram as agremiações do Grupo B, com a Imperatriz da Liberdade, Unidos de Pinhais, Bairro Alto e Internautas. Em seguida, entraram as escolas do Grupo A. Segundo a Fundação Cultural de Curitiba (FCC), mais de 25 mil foliões acompanharam a festa.

A Mocidade fez o público vibrar com a música, o ritmo, as fantasias e os adereços que fazem alusão a personagens malvados e que causam medo e terror, como zumbis, dragões, lobos e vampiros, mas tudo em tom de folia e brincadeira. A Escola de Samba Acadêmicos da Realeza, que venceu no ano passado, ficou com o vice-campeonato.
“Esse título é reflexo do trabalho de uma grande equipe. Estão todos de parabéns, pois atenderam ao nosso apelo de fazer o melhor. Todos entraram na avenida para provar que somos feras no Carnaval”, disse o presidente da Mocidade Azul, Altamir Jorge Lemos. Poucos integrantes da escola compareceram ao Memorial de Curitiba, onde foi feita a apuração dos votos, mas segundo Altamir todos já estavam reunidos, celebrando a vitória, no barracão da escola, no bairro Fazendinha.

A apuração demorou cerca de três horas. Com os ânimos exaltados, houve tumulto durante a apuração. A presidente da Embaixadores da Alegria, Thais D’Avila,  invadiu o palco onde estava a comissão julgadora. Ele questionava a nota dada pelos jurados a dupla de mestre salas e porta bandeiras. Minutos depois, o membro da escola, que participava da comissão, abandonou a mesa. Atitude semelhante foi adotada por outros integrantes da escola, que estavam no Memorial. Eles saíram do espaço, sem presenciar o fim da apuração. Primeiro foram anunciadas as notas das escolas do grupo B, garantindo à Imperatriz da Liberdade, que recebeu a melhor pontuação, o direito de ascensão ao grupo especial. A escola está estreando no Carnaval e fez o seu primeiro desfile com o tema “Parintins: o festival da ilha encantada”. A Imperatriz ficou com 187,10 pontos e em segundo lugar, pelo grupo B, veio a Internautas, com 183,60 pontos. No grupo especial, a Mocidade Azul ficou com 199,10 pontos, a Realeza com 196,7, a Embaixadores da Alegria ficou em terceiro lugar com 194,90 pontos e a Leões da Mocidade com 194 pontos.

Os quesitos avaliados pelos 20 jurados foram: samba-enredo, bateria, mestre-sala e porta bandeira, comissão de frente, enredo, fantasia, alegorias e adereços, harmonia, conjunto e baianas. A mesa responsável pela abertura dos envelopes foi composta por um representante de cada escola, pelo presidente da Comissão do Carnaval, Jaciel Teixeira, e por Luzia Simplício da Silva e Aparecido Oliveira, também integrantes da comissão.

    Author: Redação

    Share This Post On

    Enviar um comentário

    O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *